Most magical encounters / Encontros mágicos

Não vou esconder o quanto adoro e admiro os ouriços!

Tenho por eles um carinho enorme e, ao longo da minha vida, já tive o prazer de cruzar-me com vários, cada um com a sua cor, feitio e história. Uns a precisar de ajuda e outros apenas de passagem. Todos únicos e para sempre recordados na minha memória como amigos que fiz e que me deram uma grande sensação de alegria e propósito. Em especial, de todas as vezes que tive o prazer de os devolver à natureza.

DSC_0405

I will not hide how much I love and admire hedgehogs!

I have an enormous affection for them and throughout my life I had the pleasure to cross ways with several of these lovely creatures. Some in need of help and others just passing through. All unique and forever remembered in my memory as friends who left me feeling a great sense of joy and purpose. Especially those whom I had the pleasure of releasing back into the wild.

outonoouriço

Podia ficar aqui eternamente a contar histórias engraçadas que vivi graças a estas criaturas que fazem parte do imaginário fantástico de tantas crianças (e não só!), mas hoje vou falar-vos do último ouriço que tive o prazer de receber em casa, o Banjo!

Encontrei-o numa manhã de outono, entalado na cerca que faz o perímetro da quinta. Já com as patas totalmente inchadas e feridas nas costas, feitas por algum predador que, vendo uma refeição fácil, tentou a sua sorte. Graças aos cerca de seis mil espinhos aguçados que cobrem grande parte do corpo, não foi bem sucedido!

___________________

I could stay here forever telling funny stories, thanks to these creatures that are part of so many children’s imagination, but today I will talk about Banjo, the last hedgehog i had the pleasure to rehabilitate.

I found Banjo on an autumn morning, stuck in the fence that makes the perimeter of the farm.  By that time, with fully swollen legs and wounds on his back, made ​​by some predator who saw an easy meal and tried his luck. Thanks to the six thousand sharp thorns that cover much of the hedgehog body, he was not successful.

DSC_0396 - Cópia

Soltei-o da cerca e ao ver que não conseguia caminhar nem enrolar-se na sua posição de protecção (devido ao inchaço provocado pela falta de circulação) concluí que a única forma de garantir a sua sobrevivência, era trazê-lo para casa, mantendo o mínimo contacto humano possível, por forma a restabelecer a sua força e saúde para poder voltar onde pertencia. Poucos dias volvidos, estava totalmente novo e afoito (bom sinal!) e posso dizer que voltou para casa dele mais gordinho e bem disposto (espero, qualquer dia, voltar a vê-lo por aqui!)

É importante referir que, após este incidente abrimos passagens em todas as cercas, para que tal não torne a acontecer.

____________

After releasing Banjo from the fence, I saw he couldn’t walk or curl up in its protective position (due to the swelling, caused by lack of circulation). I rapidly reached this conclusion: bringing him home for a few days was the only way of ensure his survival.  As usual I kept to a minimum all human contact, restoring his strength and health was my main goal so he could get back to his freedom as quickly as possible. Three days later he was totally new and spirited (a good sign!).                                                               

 I can safely say that, Banjo got home feeling good and fatter, ready for his hibernation season.

It’s important to say that, after this incident we open passages in all fences so that this does not happen again.

DSC_0257

orvalho

O ouriço cacheiro, cacheiro (Erinaceus europeus) é um mamífero insectívoro que pertence a família Erinaceidae, tem hábitos essencialmente crepusculares, e embora tenha  patas pequenas, pode percorrer, numa só noite, distâncias de até três quilómetros na busca de alimento. São mamíferos nocturnos que hibernam de Novembro a Março.

__________________

The hedgehog  (European Erinaceus) is an  insectivorous mammal that belongs to the Erinaceidae family, with essentially crepuscular habits. Although having little legs, in one night, he can make distances up to three kilometers searching  for food. They hibernate from November to March.

DSC_0336

DSC_0435

Infelizmente, existe uma grande taxa de mortalidade nos ouriços durante a primeira hibernação, uma vez que muitas vezes não conseguem acumular peso suficiente para subsistir ao inverno. Esta e outras razões mais tristes contribuem para que este carismático animal esteja a desaparecer rapidamente e em grande número no Reino Unido, campanhas são feitas na tentativa de evitar que não desapareça completamente. Espero que esta realidade não nos alcance e, como sei que muita gente adora este animal tão emblemático da nossa fauna  deixo aqui quatro dicas para quem quiser ajudar os ouriços que vivem por perto:

– se recebe visitas ou tem algum ouriço a viver no seu jardim,  acumular o “lixo” do jardim, (folhas, troncos etc) proporciona um excelente abrigo , ninho de hibernação.

– Para ajudar o ouriço a ganhar peso para o inverno para além da sua deita normal (lesmas, caracóis, besouros, lagartas e minhocas) pode deixar um pequeno prato com comida rica em proteínas (por exemplo,  carne picada ou paté/ração para gato), particularmente nesta altura do ano. Uma tigela de água potável também deve estar disponível.

-não queimar moitas, troncos/folhas sem primeiro verificar se está habitado

-abrir um pequeno buraco na base de cada cerca para permitir o acesso livre de perigo.

Espero que tenham muitas visitas e o prazer de poder ver estes fantásticos animais muitas e muitas vezes no futuro!!

DSC_0305

DSC_0392

Unfortunately there is a high mortality rate in hedgehogs during the first hibernation, since often they fail to accumulate enough weight to survive the winter. This and other saddest reasons contributed to the rapidly disappearing of this charismatic animal in large numbers throughout the United Kingdom, campaigns are being made ​​in attempt to prevent their complete disappearance.                                                                                     

 I hope this sad reality doesn’t reach us here in Portugal, and as I know many people love these emblematic animals of our fauna I took the liberty of leaving here four tips for those who want to help hedgehogs living near by:

– If you receive visits or have any hedgehog living in your garden, accumulating garden rubbish (leaves, trunks etc.) provides an excellent shelter, hibernation nest.

– To help the hedgehog gain weight for the winter (beyond their normal diet: slugs, snails, beetles, caterpillars and worms) you can leave a small dish with protein-rich food (eg minced meat or pâté / cat food ), particularly at this time of the year. A drinking water bowl should also be available.

-Do not burn bushes, logs / leafs without first checking if its inhabited

-Open a small hole at the base of each fence to allow easy access.

I hope you have many visitors and the pleasure of seeing these fantastic animals over and over again in the future !!

IMG_8437

(note : as usual, all photos are mine, starring sweet Banjo ; illustrations as well, first one is a watercolor and the last one is a soft pastels painting)

Hope this inspires you to be closer to nature, thank you for your time!!

 

 

 

Anúncios