O carpinteiro das florestas / Carpender of the forest

Nestes meses de sol um dos habitantes mais carismáticos da quinta é sem duvida o pica-pau malhado grande (Dendrocopos major) .

Assim que volto a ouvir um “tuc-tuc-tuc” constante vindo do montado, já sei que estão de volta e vão ficar por uns tempos nestas bandas! Na primavera, é comum vermos grupos com mais de dois pica-paus num frenesim de voos ondulantes por entre matas e antigos postes eléctricos de madeira mas assim que chega o Verão passa a ser mais comum ver apenas um, ou dois indivíduos.

In these months of sun one of the most charismatic inhabitants of the farm is undoubtedly the great spotted woodpecker (Dendrocopos major).

Once again I hear a constant “tuc-tuc-tuc” coming from the cork trees , I know they are back and will stay for a while in these parts! In the spring, it’s common to see groups with more than two woodpeckers in a frenzy of undulating flights between  woods and old electric wooden poles but once summer comes for good,  it becomes more common to see only one or two individuals.

 

picapau1.jpg

fêmea/female

 

Já por muitas vezes tentei fotografar os pica-paus que desfrutam aqui do montado para se alimentarem ou cortejarem as suas fêmeas, mas nunca com sucesso. Tímidos e esquivos rapidamente se apercebiam da minha presença e fugiam. Desta vez tive muita sorte e consegui finalmente “apanhar” uma fêmea (distingue-se do macho pela ausência da mancha encarnada na nuca) seguida pelo seu afoito parceiro, que infelizmente não consegui fotografar.

I’ve for many times tried to photograph the woodpeckers that enjoy the cork trees for feeding purposes or courting their females, but never with success! Timid and elusive they quickly realize my presence and fled. This time however I was lucky and finally managed to “catch” a female (distinguished from the male by the absence of red spot on the back of the head) followed by his anxious partner, who unfortunately i didn’t catch.

 

picapau12.jpg

 

 

O pica-pau malhado grande é uma espécie residente em Portugal, e identifica-se pela sua plumagem essencialmente preta e branca e traseira de um vermelho intenso que se destaca do abdómen todo branco. Como já referi anteriormente esta espécie tem um dimorfismo sexual evidente, os machos tem uma mancha vermelha na nuca que as fêmeas, como esta, não apresentam.

The great spotted woodpecker is a resident species in Portugal, and is identified by its essentially black and white plumage and a bright red bottom that stands out from an all white abdomen. As previously mentioned this species has an obvious sexual dimorphism, males have a red patch on the nape that females, like this, do not.

 

picapau13.jpg

macho/male

 

 

Prefere áreas altamente arborizadas, matas e bosques de pinhais, carvalhais, sobreirais  e azinhais para viver e se reproduzir, mas também consegue ser bem sucedido em jardins e parques.

Alimenta-se de insectos que habilmente colecta, sementes de coníferas no inverno  e ocasionalmente (como infelizmente até pude confirmar aqui na quinta) de ovos e crias de outras aves.

They prefer highly wooded areas, forests and woods of pine, oak, cork trees  and helm to live and reproduce, but can also be successful in gardens and parks.

It feeds on insects which it cleverly collects, conifer seeds in winter and occasionally (as unfortunately  I confirmed here in the farm) eggs and young birds.

 

DSC_0863

Caixa ninho de chapins com a entrada danificada pelo pica-pau / Eurasian Blue tit nesting box after being attacked by the woodpecker

DSC_0862.JPG

caixa ninho de trepadeira danificada /  treecreeper nestingbox damaged by woodpecker

DSC_0859

Vestígios do pica-pau na procura de alimento / signs left by the woodpecker after it looks for food

 

Este pica-pau é territorial e escolhe apenas uma fêmea/macho com qual ira se reproduzir. E como o nome indica, o pica-pau, constrói o seu ninho escavando/picando um orifício com cerca de 5cmx6cm de entrada onde fará uma postura anual de 4 a 6 ovos (em media). Ovos estes que serão chocados e criados por ambos os membros do casal.

This woodpecker is territorial and only chooses one  female / male with which will reproduce. And as the name indicates, the woodpecker, builds its nest by digging/pecking a hole about 5cmx6cm in which  he will make an annual posture 4 to 6 eggs (on average). These eggs are to be hatched and raised by both members of the couple.

 

picapau2

Curiosidades:

-Os pica-paus têm penas espessas sobre as suas narinas que ajudam a evitar que partículas de madeira sejam inaladas.

-O seu bico para além de muito forte e pontiagudo atua tanto como um cinzel como um pé de cabra, para remover a casca e encontrar os insetos escondidos.

-Tem uma língua bastante comprida com uma substância colante na ponta para a facil captura de insectos.

 

Curiosities:

-Woodpeckers have bristle-like feathers over their nostrils help to keep wood particles from being inhaled.

-The woodpecker’s strong, pointed beak acts as both a chisel and a crowbar to remove bark and find hiding insects.

-It has a very long tongue, up to four inches in some species – with a glue-like substance on the tip for catching insects.

 

picapau3

 

 

 

 

 

Anúncios

Festim em família / Family feast

No Verão todos aproveitamos para arrumar o jardim, e eu não sou excepção. Resolvi remover a piscina de plástico velha que se encontrava embrulhada por debaixo dos choupos há já um ano. Estava escondida pelas ervas que foram crescendo à sua volta, espalhando raízes em busca da humidade retida pelo plástico e, por consequência, agarrando a piscina ao solo com firmeza. Assim que comecei a puxar a lona e, à medida que esta se soltava do seu emaranhado de ervas bravas, não queria acreditar no que via! Não foram só as plantas a tirar proveito da piscina, mas uma serie inimaginável e altamente variada de insectos! Corriam desenfreados em busca de protecção. E foi no meio de tanto reboliço que reparei que a piscina trazia mais do que insectos,  o meu coração disparou, a tirar proveito daquele festim, encontrava-se uma família de musaranhos!                                                                                                                                                           Hoje, tenho por isso o prazer de vos apresentar o Musaranho-de-dentes-brancos (Crocidura russula) !

_______________________________________________________

In summer everyone always takes the opportunity to tidy up the garden, and I wasn’t an exception. I decided to remove the old plastic pool that was wrapped and dropped beneath the poplars one year ago.

It was partially hidden by herbs that grown around her spreading their roots in search of  the water retained by the plastic and therefore grabbing the pool firmly to the ground. As I began pulling the plastic and as it was slowly loosening  from the tangle of wild herbs,  I couldn’t believe my eyes. Not only were plants taking advantage of the pool but an unimaginable quantity and highly varied species of insects! They ran rampant for protection. And it was in the midst of such turmoil that I noticed there where more than insects, my heart raced, taking advantage of that feast, a family of shrews!! So today Im pleased to present the Greater white-toothed shrew (Crocidura russula)!

musa4aqua

Uma espécie protegida e abundante em todo o território nacional, este musaranho é um pequeno mamífero insectífero que pertence a família Soricidae,  cujo o tamanho não ultrapassa os 8,6 cm (sem contar com a cauda) e o peso pode chegar aos 14,0g.

_________________________________________________________________

A protected and abundant species throughout Portugal, this shrew is a small mammal belonging to the Soricidae family and whose size does not exceed 8.6 cm (excluding the tail) and weight can reach 14,0g .

musa7

Com o seu caricato focinho pontiagudo e olhos pequenos combina uma pelagem pardo-acinzentada distinguindo-se do ventre, este de um cinzento claro.

O musaranho é uma espécie solitária durante a maior parte do ano e pode ser encontrada em ambientes humanizados como jardins, várzeas, campos agrícolas, quintas ou em habitats mais naturais como florestas, montados e outras zonas selvagens. No fundo, áreas onde possa encontrar alimento (minhocas, escaravelhos etc) com facilidade.

_______________________________________________________________

With its peculiar pointed snout and small eyes combines a brown-gray coat with a distinguished belly, this in light gray.

The shrew is a solitary species during most of the year and can be found in humanized environments such as gardens, meadows, farmland, farms or in more natural habitats such as forests, fields and other wilderness areas.  In the end, areas where it’s possible to find food (worms, beetles etc.) with ease.

musa2

Define o seu território e mantem-no durante o ano, compartilhando-o apenas durante a época de reprodução.

É um animal com hábitos crepusculares, ou seja, sai  habitualmente em busca de alimento ao amanhecer e ao entardecer, mas pode ser visto ocasionalmente noutras alturas do dia.

_________________________________________________________

Defines territory and keeps the same during the year, sharing it only during the breeding season.

It’s an animal with crepuscular habits, that’s usually out looking for food at dawn and dusk, but can be seen occasionally at other times of the day.

musa4

Na época de acasalamento, o par permanece junto protegendo o seu território e ninho, mantendo a ninhada até ao desmame. Podem ter mais do que uma ninhada por ano.

Por fim, o musaranho faz parte da dieta de vários animais da nossa fauna entre eles a gineta, a raposa a doninha e diferentes aves de rapina.

_______________________________________________________

When mating season comes, the pair stays together protecting its territory and nest, keeping the litter until weaning. They may have more than one in a year.

Finally, the shrew is part of the diet of various animals including the genet, fox , and different birds of prey.

DSC_0340                                                                cria / young shrew

musa8

musa6

Curiosidades:

-Tem a capacidade de reduzir a atividade do seu metabolismo acelerado, permanecendo “adormecido” durante algumas horas, para reservar energias no caso de existir escassez de alimento.

-A fêmea tem uma forma engraçada de se deslocar com as suas crias:  em fila indiana, focinho com cauda.

_________________________________________________________________

Curiosities:

-Has the ability of reducing the activity of its rapid metabolism, remaining “dormant” for a few hours to reserve power in case there is a shortage of food.

-The Female has a funny way to move with their young: in single file, nose to tail.

musaaqua3

Em busca dos primeiros sinais da primavera… / Searching for signs that Spring is coming…

É impossível negar, os primeiros dias de sol e calor chegaram, a agitação das aves dificilmente passa despercebida e as primeiras cores do ano começam a surpreender os prados mais adormecidos.

It is impossible to deny, the first days of sun and heat arrived, the stirring of birds hardly passes unnoticed, and the first colours of the year begin to surprise even the sleepiest meadows.

pano

Esta época que se avizinha é das minhas preferidas, a natureza entra no seu auge e mais um ciclo se repete para dar lugar a novas vidas e fascinar todos os que se atrevem a descobrir os seus encantos. De volta estão os “pilotos” da alta velocidade, as andorinhas-da-chaminé (Hirundo rustica)  que desafiam a gravidade com as suas manobras de voo arriscadas e igualmente fascinantes de observar.

This time ahead is one of my favourites, nature will be at its peak and another cycle is repeated to give way to new lives and fascinate all who dare to discover its charms. Back are the “pilots” of high speed, the barn swallows (Hirundo rustica)  that defy gravity with their risky flight manoeuvres, daring and fascinating to observe.

florir

img039 - Cópia - Cópia

Ao longe, já se ouvem os primeiros chamados do cuco (cuculos-canoros), que chega mais uma vez para passar a estação. Incansável, todos os anos percorre milhares de quilómetros numa migração feita a partir de Africa, para nos agraciar com o seu hino à primavera.

In the distance I’m hearing the first calls of the cuckoo (cuculos-canoros), arriving once again to spend the season. Tireless, every year travels thousands of miles in a migration made from Africa to grace us with his ode to spring.

img046

Os casais de rola-turca (Streptopelia decaocto) passam a toda a brida no céu azul, procuram bons locais para nidificar e fazem-se ouvir bem alto numa melodia pretendida para cortejar até as fêmeas mais afoitas.

Couples of Eurasian collared doves (Streptopelia decaocto) fly in full throttle crossing the blue skies, looking for good places to nest and making themselves be heard by loudly singing a melody design to woo even the most difficult females.

DSC_0630

DSC_0632

Uma ave que voltou a aparecer por aqui é o alegre pintassilgo (Carduelis carduelis)! Em bandos, enchem os choupos de cor e alegria.

Another bird that reappeared is the cheerful goldfinch (Carduelis Carduelis)! In flocks fill the poplars with colour and joy.

pint

Outras aves se fazem ouvir e ver com mais frequência, está na altura de começar a definir territórios, escolher ninhos ou fazê-los do zero, e acima de tudo, encontrar um par para atravessar, uma vez mais, esta época árdua de muito trabalho: alimentar, proteger e ensinar as suas crias.

Other birds are heard and seen more often, its time to define territories, choose nests or make them from scratch, and above all, find partners to cross once again this difficult time of hard work: feeding, protecting and teaching their young.

sinais Primeira caixa ninho a mostrar sinais de estar ocupada /First nesting box to show signs of being occupied

terrena Ainda estou a tentar descobrir que espécie de ave esta a construir este fantastico ninho no canavial.. / I’m still trying to figure out what kind of bird is building this fantastic nest in the cane fields ..

gaiooo um gaio aproveita os primeiros raios quentes de sol.. / a jay enjoys  the first warm rays of sunshine..

Collage

Ainda é possível observar a petinha dos prados (Anthus pratensis) , espécie invernante, que agora no mês de Março prepara-se para partir, os últimos exemplares irão deixar Portugal nos princípios de Abril e só retornarão no fim da época estival.

You can still observe the meadow pipit (Anthus pratensis), wintering specie, which now in the month of March is preparing to leave, the last members will leave Portugal in early April and only return at the end of summer.

DSC_9999 - Cópia

Nos próximos meses irei relatar por aqui todas as novidades que surjam , vamos ver com mais detalhe algumas espécies de fauna e flora e tentar acompanhar os ninhos naturais e as caixas instaladas no montado.

Em breve darei mais novidades, vemo-nos na primavera!!

In the upcoming months I will report all the news coming from around here, we will see in detail some species of fauna and flora and try to follow the natural nests and boxes installed in the cork-trees.

More news soon, see you in spring !!

img039

Alguém está a viver por debaixo da mesa do jardim … Someone is living under the garden table …

Quando levantámos o plástico da mesa de jardim, para colocarmos umas protecções nos pés que estavam a apodrecer, devido à humidade, reparámos que a mesa estava a ser utilizada e a humidade retida pelo plástico, muito bem aproveitada… por uma bela salamandra de fogo.

When we raised the plastic sheet from the garden table, to place a protection on the legs that were rotting from the wet soil, we noticed that the table was being “used”, and the moisture retained by the plastic wasn’t going to waste .. there it was, a beautiful spotted salamander.

sally2

A salamandra-comum Salamandra salamandra  é um anfíbio com cauda, o seu tamanho em adulto ronda os 18cm e em estado selvagem pode chegar a viver até aos 20 anos de idade. A sua dieta consiste em insectos, minhocas, lesmas, aranhas, miriópodes e outros.

The spotted Salamander, is an amphibious with tail, reaches in average 7 inches in size and in the wild her life spam goes up to 20 years. Her diet includes insects, worms, slugs, spiders , millipedes and others.

terrena_7

Na fase adulta exibe uma cor negro-azulada com manchas ou bandas amarelas (por vezes também encarnadas, como é o caso) cuja a disposição e abundância são muito variáveis. Os padrões apresentados por cada salamandra são únicos, tal como são as impressões digitais em nós, seres humanos.

In adulthood it displays a  bluish-black color with two irregular rows of yellow or orange/red spots extending from head to tail. The patterns presented by each salamander are unique, as are fingerprints on us, humans.

terrena_14terrena_17

Os seus hábitos são essencialmente nocturnos por gostarem de um ambiente com humidade elevada e temperaturas que não ultrapassem os 15 graus. Saem de seus esconderijos subterrâneos apenas quando cai a noite para se alimentarem assim como durante a época de acasalamento na primavera. São capazes de viajar longas distâncias por terra mesmo após grandes chuvadas para acasalar e desovar em poças e cursos de água primaveris. Por estas razões, quando se encontram em zonas montanhosas, com um clima mais rigoroso, o seu período de hibernação varia.Em zonas cujo o clima é mais ameno, as salamandras estão mais activas de Setembro a Maio.

Nestes meses de inverno, é por isso mas provável encontra-las, embora seja de facto, muito raro conseguir vê-las.

Their habits are essentially nocturnal because they enjoy an environment with high humidity and temperatures not exceeding 15 degrees. They emerge from their subterranean hiding spots only at night to feed and during spring to mate. They will actually travel long distances over land even after a heavy rain to mate and lay their eggs in vernal pools and ponds. For these reasons when they are in mountainous areas, with a more rigorous climate, the hibernation period varies.In zones where the climate is milder, the salamanders are most active from September to May.

In these winter months, its more likely to find them, even thou they are very, very hard to spot.

terrena_9

Durante o Verão entram em letargia e enterram-se no solo, e como já pude verificar anteriormente, gostam de ficar subterradas mesmo por debaixo dos sobreiros, onde o solo é mais húmido e fresco.

Como todos os anfíbios, as salamandras passam por um estado larvar, adaptado à vida aquática, sendo que a transição para o ambiente terrestre dá-se através de uma metamorfose.

During the summer they come into lethargy and will bury themselves in the soil, and as I already could confirm, they like to stay right beneath the oaks, where the soil is more moist and cool.

Like all amphibians, salamanders go through a larval stage, adapted to aquatic life and the transition to the terrestrial environment occurs through a metamorphosis.

terrena_21

terrena_19

Estes seres fascinantes defendem-se dos seus predadores libertando pela pele, como muitas outras espécies de salamandras, uma substância tóxica nociva e de aparência leitosa. As glândulas secretoras deste veneno encontram-se, regra geral, em coincidência com a suas manchas na zona do pescoço e na superfície dorsal.

These fascinating creatures defend themselves from predators by secreting, like many other salamanders, a noxious, milky toxin from glands on their backs and tails to dissuade predators. This glands generally match with their spots.

terrena_6

O nome salamandra de fogo advém talvez da sua coloração e do facto de ter sido considerada pela mitologia grega um ser místico originário do fogo, capaz de viver nas chamas, resistir a queimaduras e ainda apagar fogos. Crê-se que este mito surgiu por serem muitas vezes observadas salamandras a fugir por entre as chamas das fogueiras, uma vez que, escolhem abrigar-se no meio das pilhas de lenha ou mesmo dentro de troncos ocos húmidos e, assim que sentem a temperatura aumentar, escapam para salvar as suas vidas, antes de serem consumidas pelas chamas.

In Portuguese one of the names given to this visually striking animal, is “fire salamander”. It comes perhaps from their coloring or the fact that it was considered by the Greek mythology as a mystical being, able to live in the flames, resist burns and still put out fires. It is believed that this myth appear because they (salamanders) were often observed fleeing through the flames of the bonfires.  They choose to shelter in the middle of the wood piles or even inside hollowed wet trunks and as they feel the temperature rising , escape, is the only option in order to save their lives before being consumed by the flames.

terrena_13

Curiosidade: as salamandras de fogo, retornam á mesma zona de acasalamento ano após ano, seguindo sempre o mesmo caminho.

Curiosity: Spotted salamanders return to the same mating pool via the same route every year.

sally1

Todas as fotografias vistas neste blog assim como ilustrações, são da minha autoria, por favor considere contactar-me antes usar alguma imagem. Muito Obrigada!!!

All photographs in this blog as well as illustrations, are my own, please consider asking me before using any image. Thank you very much !!!

Encantos da Portuguesa Selvagem / Wild Wonders of Portuguesa

“Uau! Como é que não vi isto antes?”. Esta foi a minha reacção quando me sentei pela primeira vez encostada num daqueles sobreiros ásperos e vigorosos que compõem o montado da Quinta da Portuguesa.

(Antes de vos contar as minhas aventuras e descobertas, sou motivada a descrever-vos o cenário em que estas maravilhas acontecem, para que possam entrar no meu mundo.

A quinta da portuguesa, está situada entre a Moita e Palmela e é composta por várias zonas paisagísticas diferentes, facto que, acho eu, contribui para a variedade de espécies de fauna que aqui vêem, seja para residir ou apenas sazonalmente. Temos um montado de sobreiros, uma zona de planície, uma pequena várzea e, por fim, um eucaliptal. Os mais entendidos vão reparar que algumas espécies de flora foram introduzidas por nós, mas num outro post, irei por-vos a par disso, prometo!)

Fiquei maravilhada com  a vida que me rodeava, estava ali sentada, num sítio onde já tinha passado mil vezes, mas nunca tinha reparado. Nunca tinha parado, visto com “olhos de ver” e aperceber-me da quantidade de sons, de cores, de cheiros e movimentos. À medida que ia explorando, mais descobria e mais queria saber!  Com o tempo comecei a ganhar entusiasmo sobre a vida selvagem da Portuguesa e em geral, a fotografar, a desenhar e a estudar.

No final pensei: será que alguém desvendou este segredo? Existem mais como eu, interessados pela vida selvagem que nos rodeia diariamente?

Bem..não sei, até pode ser que haja! Resolvi escrever este blog e descobrir..

Aqui vou falar-vos da minha experiência com as casas-ninho e os comedouros que instalei no montado. Vamos seguir as aves mais de perto e ficar a conhecê-las, os seus hábitos as suas semelhanças/diferenças. O mesmo se passará com o resto dos “habitantes” da quinta que não têm penas, e tudo o resto que passar no meu caminho! Enfim, as mudanças na paisagem influenciadas pelas estações, o que há de novo e o que é constante.

Vou à descoberta de um mundo novo e se alguém por aí me quiser acompanhar, apanhe esta viagem!!

DSC_0322  DSC_0337 DSC_0650 DSC_0500 DSC_0724DSC_0564DSC_0415

DSC_0671 DSC_0394

“Wow! How didn’t I saw this before?” my reaction when I set down for the first time lining against one of those rough and vigorous cork trees that compose the farmstead of “Portuguesa”.

(Before I’m able to start telling you my adventures and discoveries, I’m motivated to portray the scenery in which this wonders occur, so that you can step into my world.

Portuguesa farmstead, is located between Moita and Palmela (near Lisbon, Portugal) and is composed by several landscape sections, fact that, I think,  contributes to the variety of species of fauna coming here either to reside or just seasonally. We have a cork tree woodland, a plain , one small lowland and at last an  area of eucalyptus.)

I was amazed with the life that surrounded me, sitting there, in a place where I had been a thousand times before and yet never had noticed. Never stopped, and really look around to see and realize the amount of sounds, colors, movements and smells. Has I was exploring, more did I found and more I wanted to know! Time passing I started to gain enthusiasm about Portuguesa wild life as well as in general, taking pictures, drawing and off course, studying.

In the end I thought to myself: had anyone else unveiled this secret? There’s more like me, interested in the wild life that surrounds us everyday?  Well.. I don’t know,  it may as well be someone out there! In the end, I decided to write this blog and find out..

Here I will tell you about my experience with the bird houses and feeders that I have installed in the cork woods. Let’s follow the birds more closely and get to know them, their habits their similarities / differences. The same will happen with the rest of the “inhabitants” of the farm that don’t have feathers, and everything else that crosses my way! Finally, changes in the landscape influenced by the seasons, what’s new and what is constant.

I’m going to discover a new world and if someone out there want to join me, take this trip !!

DSC_0610  DSC_0381 (3) - CópiaDSC_0486 DSC_1076 - CópiaDSC_0612  DSC_0761 DSC_0532DSC_0560 - CópiaDSC_0493DSC_0156DSC_0537DSC_1086